Bem-vindo à FAAN

Seja bem-vindo ao portal da Fundação Dr. António Agostinho Neto, nosso objectivo é promover a pesquisa e divulgação da vida e da obra do Dr. António Agostinho Neto; Promover actividades para melhorar o bem-estar e a condição dos angolanos; A promoção da educação, da ciência, da tecnologia e da cultura, para incentivar a criação e a inovação, de todo o tipo e sob todas as formas, e a investigação científica e tecnológica.

Versão para impressão
PDF

PALAVRAS DE MARIA EUGÉNIA NETO POR OCASIÃO DA CERIMÓNIA DE DOAÇÃO DE CONDECORAÇÕES DE AGOSTINHO NETO

AO MEMORIAL AAN 17.2.2017

amn4.jpg - 20.06 Kb

É com alguma emoção e sentido de história que participamos na organização desta cerimónia de entrega do espólio medalhístico e de distinções ao Memorial Dr. António Agostinho Neto, doando graciosamente uma parte não menos importante da vida política e pessoal do Presidente Fundador da República Popular de Angola a este lugar de memória e de respeito.

Num momento de elevados desafios que nos interpelam como país, desejamos continuar a contribuir modestamente para a consolidação da Pátria nestas acções de responsabilidade recíproca entre a Fundação Dr. António Agostinho Neto e o Memorial em seu nome.

No âmbito do Acordo de Parceria assinado em 2013 entre as nossas duas instituições, damos provimento às alíneas f) e g) que promovem a recolha, classificação e divulgação de espólio e do acervo. Assim, desde 2015, temos vindo a trabalhar na inventariação, investigação, recolha e classificação das medalhas e distinções outorgadas ao Dr. António Agostinho Neto.

Foi necessário proceder a uma análise profissional das medalhas através da técnica de fluorescência de raios-X, uma técnica analítica não invasiva, em função do seu frágil estado de conservação, sujeitas que estiveram por anos a fio, à humidade e ao salitre da nossa casa no Futungo de Belas, importante marco do poder político após a independência. As obras que decorrem actualmente de transformação em área de lazer daquela zona histórica, onde funcionou o primeiro Governo independente, deviam ter em consideração a reserva de memória necessária para não impor ausência, onde e quando, para as novas gerações, se requer presença.

Decidiu-se pois, recuperar as medalhas e fazer réplicas das mesmas para que figurem no museu do Memorial, em condições técnicas e de segurança adequadas. Algumas peças tiveram de ser primeiro restauradas face ao acentuado estado de corrosão, sobretudo as da Guiné e da Polónia.

Apesar do financiamento tardio que obrigou a um prazo de 2 anos para a execução das réplicas, consideramos que não foi um luxo desnecessário nesta nação que se constrói, dia a dia, palmo a palmo, urdida entre prioridades de emprego, saúde e educação. Os conselhos de administração procuram activamente os fundos necessários para cumprir as suas actividades de utilidade pública, com meios mais privados do que públicos. Graças à essa perseverança e convicção, os museus representam âncoras comunitárias vitais que retemperam e reforçam o engajamento cívico, cultural, educativo e traduzem a vitalidade económica de um país.

Temos neste momento 23 medalhas executadas, faltando financiar algumas outras. Talvez surjam patrocinadores nesta sala querendo associar-se à empreitada que assumimos como Fundação e como Memorial. Para além do restauro, réplica e conservação de medalhas, existe todo um trabalho em curso de classificação, digitalização e divulgação das distinções, discursos e outro material que irão ajudar o museu a exibir e explicar o significado de cada peça.

Esperamos que o público desfrute e aprecie estas distinções outorgadas ao Dr. Agostinho Neto, pequenos fragmentos da sua vida pessoal e enquanto servidor político, que a sua família guardou ao longo de décadas e vem agora doar ao Povo Angolano e a todos aqueles que visitem o Memorial.

Nesta nova etapa de mudança do Conselho de Administração do Memorial, queremos saudar vivamente todo o Conselho cessante pelo seu empenho e boas relações de cooperação estabelecidas entre as nossas instituições, pelo trabalho pioneiro realizado no país, com uma particular palavra de apreço à Sra. Secretária de Estado, Dra. Ana Paula Victor.

Dirigimos também uma mensagem de felicitações ao novo Presidente do Conselho de Administração, Dr. Jomo de Carvalho Fortunato e a todo o Conselho Superior do Memorial Dr. António Agostinho Neto, nomeados ontem por Despacho Presidencial.

Obrigada pela vossa atenção.

Luanda, 17 de Fevereiro de 2017

Maria Eugénia da Silva Neto
Presidente da Fundação Dr. António Agostinho Neto
Segunda Vice-Presidente do Conselho Superior do Memorial Dr. António Agostinho Neto

 

Prémio de Investigação

 Logo Prémio de Investigação Histórica

Jovens Escritores

REDES SOCIAIS

SUBSCREVER NEWSLETTER

Nome:
Email: